7 de maio de 2015

Diário de uma rinoplastia - O início.

Olá galera, depois de alguns anos abandonado resolvi "ressuscitar " o blog para trazer pra vocês um assunto bem legal e do interesse de muitos: Cirurgia plástica, e mais especificamente, Rinoplastia.

Recentemente realizei a minha tão sonhada e desejada rinoplastia, vou falar um pouco do tema, falar sobre a minha experiência e postarei com frequência a minha evolução. 
Acho bacana esse tipo de postagem, pois ajuda muito quem está pesando em fazer, digo isso por experiência própria.




Vamos lá!!!

Há alguns anos, logo depois da adolescência, comecei a 'implicar" com meu nariz, não achava ele harmonioso para o meu rosto. 
Nunca cheguei a comentar com muitas pessoas pois queria manter a descrição sobre o assunto,
até porque na maioria das vezes sempre surgem aquelas opiniões contrárias, o que nos deixa com mais duvidas, e nessa época eu também não tinha certeza se realmente queria enfrentar um centro cirúrgico em nome da vaidade.

Enfim, um ano depois, em 2010,  fiz minha primeira consulta com o cirurgião plastico (o mesmo que iria realizar minha cirurgia). 
Resultado: Morria de medo de agulhas, sangue, cortes, desisti da cirurgia. 

No ano passado, 2014, aproximadamente em junho a ideia da rinoplastia voltou a tona, mas eu sabia do meu medo e no fundo bateu aquela insegurança, sabe, não sabia se iria desistir novamente.
Parei de pensar nos meus "pavores" e fui atrás da minha cirurgia. 
Minha primeira consulta foi com outro cirurgião plastico,  mas não gostei, ele era muito exibido e achei os resultados dele "sem graça".
Finalmente consegui marcar uma consulta com o cirurgião plastico que me consultei na primeira vez, foi tudo ótimo, ele me explicou detalhadamente o que seria feito no me nariz. Sabe, o que ele falou era exatamente o que eu queria!!!!
Sai de lá decidida, faria minha cirurgia e já tinha a data: 15/10/2014.

Um outro ponto importantíssimo da consulta é que uma das primeiras coisas que ele me perguntou foi: Você tem alguma dificuldade para respirar, nariz entupido etc???
Senti um alivio com a pergunta pois essa era minha "cruz", mas na consulta com o outro cirurgião ele ignorou minha queixa.

PS: Se você tem algum problema funcional, nem pense em fazer a estética antes. O nariz diminui, e consequentemente a passagem de ar, que por sinal já é comprometida. O resultado disso será uma respiração "sofrível" para você.

Com a minha resposta super positiva, ele solicitou que eu procurasse a otorrino que fazia as cirurgias funcionais com ele na clinica. 
Feito!!! 
Fui me consultar com a otorrino, chegando lá me surpreendi, achei ela uma médica MARAVILHOSA e estava grávida (depois falo a relevância desse detalhe), examinou meu até então nada lindo narizinho e já de inicio falou que eu tinha um belo desvio de septo e que meus cornetos ( quê?? ) estavam muito inchados. 
Sendo assim, me solicitou dois exames ( tomografia da face e videolaparoscopia ).

Feito os exames, retornei a ela e descobri que meu nariz por dentro estava mais "estragado" do que tudo. Meu nariz simplesmente não passava o ar.... Ah, esqueci de mencionar que eu era viciada em Neosoro e nem fazendo promessas conseguia largar aquele "troço". 
Com isso descobri a causa, a raiz e o motivo do meu vicio. 
Pois bem, os dias se passaram e eu esperando meu plano de saúde liberar os outros exames que seriam necessários..
Eis que quando ligo para a secretária da minha otorrino recebo uma noticia que me tirou o chão........
ela não iria estar mais operando no dia 15/11 pois já estaria de licença. 
Como assim??? Que inveja branca, grávida de quase 9 meses e sem a barrigona??
Enfim, superei o choque e remarquei minha cirurgia para o dia 02/02/2015.

Estava feliz da vida esperando minha tão sonhada cirurgia chegar e morrendo de medo de desistir devido a espera longa. hahaha
Brincadeira, depois de descobri que meu nariz só estava servindo de enfeite ( e enfeite FEIO ) a decisão já estava consumada para mim. 
Eis que chega janeiro, faço todos os exames solicitados ( sangue + cardiológico ) e para minha surpresa ( nem tanto, já que não fazia exames assim desde que era criança) meu hemograma apresenta um resultado HORRÍVEL.
50 observações e a hemoglobina super baixa.
Entrei em panico!!!!!!

Procurei meu cirurgião plastico e ele me pediu para enviar os exames por email e antes da nova consulta que faria com ele.
Ele me respondeu: Se isso não melhorar, não vou te operar!!!!!!
Pensa numa pessoa apavorada: era eu!!! 

Enfim, ele me receitou 3 doses de sulfato ferroso na VEIA para ver se melhorava pelo menos para poder realizar a cirurgia.
Nunca tinha tomado nada na veia e a ideia sempre me apavorou, mas a vontade de sair daquela situação era tão grande que já fui direto para a clinica.
Não funcionou, precisei ir atrás de um hematologista. 

A partir daí começaria minha saga, saga que irei resumir muito para não cansar vocês.

Me consultei e finalmente uma boa noticia ( ou não ).
A hematologista me diagnosticou com uma doença no sangue chamada TALASSEMIA.
É uma doença hereditária e originária das regiões do Mar Mediterrâneo, ou seja, herdei dos meus queridos avós paternos. 
Enfim, entre muitas indas e vindas ao hemato e algumas ampolas de vitamina K para normalizar a minha também coagulação demorada, finalmente ela me deu a autorização escrita para entregar  aos meus médicos autorizando minhas cirurgias ( plastico e otorrino ).

No final, aquilo já tinha virado uma novela. 
No dia 19/02/2015 me consultei pela ultima vez ( antes da cirurgia ) com o meu cirurgião plastico. Ainda não sabia a data da minha cirurgia, mas sabia que a secretária da otorrino já tinha marcado com a secretária dele, e eu AUTORIZEI isso, pois não aguentava mais tantas remarcações frustradas.

Eis que procuro a secretária dele no final da consulta e ela me informa que minha cirurgia seria dali a 10 dias....
Vi estrelas de felicidade e tive calafrios de medo.
Faltavam 11 dias!!!!

Nem preciso dizer que foram 11 dias de ansiedade, medo, felicidade e tudo mais.
Minha anestesia seria geral, só isso já tirava meu sono. 
Mas enfim, a decisão estava tomada e queria um nariz novo e funcionando a todo custo.
No dia 30/03/2015 finalmente realizei minha rinoplastia + septoplastia + turbinectomia. 
Sim, foram 3 em 1.

Foi com anestesia geral, demorou cerca de 4 horas.
Cirurgião plastico: Renato Tatagiba.
Otorrino: Diana Sad. Ramalho.

No próximo post, trago para vocês o meu pós operatório.
E o tão esperado Antes e Depois.
Ah, vocês podem dar sugestões de temas específicos da cirurgia para as próximas postagens.

Beijoos!!!!!!!!

.







3 comentários:

  1. Larissa, tudo bem? Eu vi um vídeo seu no YouTube, e fazendo inúmeras pesquisas de todas que eu fiz, o seu nariz foi o mais perfeito de todos. Flor pelo amor de Deus me diz que fez seu nariz e quanto ficou? Qual nome da clínica? Você não deixou nenhuma dessas informações. Por favor responde.
    Valor total da cirurgia-
    Nome do medico-
    Nome da clínica
    tô ansiosa. Bjsss

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eiii, mil desculpas pela demora na resposta!!!!

      Irei fazer um video com todas essas curiosidades mas já vou te adiantando essas informações:
      eu paguei R$ 7700, operei na Klinikè em Vila Velha, o cirurgião foi o Dr. Renato Tatagiba e a otorrino Dra. Diana Ramalho.

      Um beijão flor,
      e novamente peço desculpas pela demora eu realmente não vi seu recadinho antes.

      Excluir